Translate

Quem sou eu

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Seguidores

segunda-feira, 31 de outubro de 2011



Hoje minha escrita traz outros versos em homenagem ao poeta  de Itabira,  aniversário de 109 anos de Drummond.

"Atirei um limão na água
e fiquei vendo na margem.
Os peixinhos responderam:
Quem tem amor tem oragem.
[...]
Atirei um limão n'água
foi levado na corrente.
Senti que os peixes diziam:
Hás de amar eternamente."

                        LIRA DO AMOR ROMÂNTICO
                                                                                                                     Ou a eterna repetição
                            - in Amar se Aprende Amando - 1985

                Carlos Drummond de Andrade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestão, dicas, blog se alimenta de comentários..rsrs
Se não encontrar a opção de postagem escolha Anônimo e deixe seu nome no comentário!!!
Mas lembre-se, recados ofensivos não serão admitidos!!