sábado, 28 de maio de 2011

Solaris
Rasga o véu noturno onde residem os seres e os mistérios,
 o medo e a solidão, os prazeres e o amor,
 indo ao encontro dos imortalizados,
 nos ventres  amadurecidos,
 perpetuados na eternidade
 que os devora e os mantêm.
silencia a noite escura,
que adormece na longa espera,
que o dia tenha fim,
um recomeço aquecido,
no lindo dourado  diurno,
uma promessa de vida,
uma promessa de paz...
outra promessa de amor!

2 comentários:

  1. Hola Krika, pasate por mi blog, Los jabones arte-sanos de Rosi, tengo un premio para t´´i.
    Un abrazo

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sugestão, dicas, blog se alimenta de comentários..rsrs
Se não encontrar a opção de postagem escolha Anônimo e deixe seu nome no comentário!!!
Mas lembre-se, recados ofensivos não serão admitidos!!